Rover Yutu 2 sai para explorar o lado distante da Lua

O veículo explorador itinerante pousou na Lua como parte da missão chinesa Chang’e 4 no início deste mês.

Situados dentro da bacia do Pólo Sul-Aitken, com 2.500 km de largura, os lander e rover chineses são os primeiros a pousar no lado inexplorado da Lua, que sempre aponta para longe da Terra.

Uma imagem recém-lançada (veja acima) mostra Yutu 2 sentado na superfície lunar depois de ter desaguado por sua rampa de saída e alguns metros sobre o solo, deixando dois rastros de roda distintos atrás dele.

O rover foi projetado para operar por pelo menos três meses. É equipado com uma câmera panorâmica, um sistema de radar de penetração no solo, um espectrômetro e um analisador de átomos energéticos neutros.

Algumas novas fotografias tiradas pelo Queqiao (o relé satélite) também podem ser vistas abaixo.

Deixe seu comentário!