Qual a diferença entre golfinhos e botos?

As pessoas usam os termos golfinhos, botos e baleias para descrever mamíferos marinhos pertencentes à ordem Cetaceae, frequentemente, os usam de forma intercambiável.

A orca, ou a baleia assassina, por exemplo, é realmente o maior membro da família dos golfinhos.

Os golfinhos são muito mais prevalentes do que os marsuínos. A maioria dos cientistas concorda que existem 32 espécies de golfinhos (mais cinco espécies estreitamente relacionadas de golfinhos de rio) e apenas seis espécies de botos.

Os botos tem pequenas nadadeiras pontudas e sem bico. A barbatana dorsal é pequena e em forma de triângulo.

Então, qual é a diferença?

Basicamente, eles tem rostos parecidos (quem pode esquecer o famoso “sorriso” de Flipper?), suas barbatanas e suas figuras. Os golfinhos tendem a ter dentes proeminentes, alongados e dentes em forma de cone, enquanto os botos têm bocas menores e dentes em forma de espada.

A barbatana dorsal curvada dos golfinhos também se difere da barbatana dorsal triangular dos botos. De um modo geral, os corpos de golfinhos são mais magros, e os botos mais encorpados.

Os golfinhos também são mais falantes do que os botos. Os golfinhos fazem sons de assobio através de seus buracos para se comunicar uns com os outros sob a água.

Os cientistas estão bastante seguros de que os botos não fazem isso, e alguns pensam que isso pode ser devido a diferenças estruturais no espiráculo.

Golfinhos e botos têm muitas semelhanças, uma das quais é a sua extrema inteligência. Ambos têm cérebros grandes e complexos e uma estrutura em suas testas, chamado melão, com o qual geram sonar (ondas sonoras) para navegar no mundo subaquático.

É provável que mais (ou menos) diferenças entre golfinhos e botos sejam revelados à medida que os pesquisadores continuam a investigar esses intrigantes sentinelas do mar.

Deixe seu comentário!