A origem da expressão “uai”

A expressão “uai” muito utilizada pelos mineiros é uma marca característica de um regionalismo brasileiro. Só de ouvir o uai já sabemos que o fulano veio de Minas Gerais, não importa em que parte do país ele esteja atualmente.

Se perguntar a um mineiro qual a origem, ou melhor, qual o significado da expressão uai qualquer um deles irá lhe responder: Uai quer dizer uai, uai. Ou seja, continuarás sem saber o que perguntou.

Ainda que, de fato, hoje em dia uai seja uma expressão exclamativa que não possui um significado correspondente, como o caso de “alô”, a palavra uai tem uma origem histórica muito interessante que, por si só, já merece um grande respeito.

Uma interjeição utilizada para exprimir diferentes sentimentos como surpresa, impaciência, terror, admiração, susto e também muito utilizada para dar ênfase ao que foi dito anteriormente, uai não é só utilizado em Minas Gerais, mas também em Portugal, mas especificamente na Ilha dos Açores que mantém diversas identificações culturais para com o Brasil.

São três as hipóteses mais difundidas sobre a origem do termo Uai. A primeira traz uma explicação linguística e as outras duas são históricas.

Pela explicação linguística o termo teria surgido da fusão de três interjeições, o opa, o ôi e o ai. A união destas três interjeições está documentada no livro Sagarana, o que fornece uma das pistas para este mistério.

A segunda explicação, histórica, remonta do tempo em que foi instalada em Minas Gerais a primeira empresa britânica, A Imperial Brazilian Mining Association, no município de Gongo Soco. A partir da interação da população local com os ingleses a expressão “uai” teria surgido de uma apropriação do “why” inglês, devido as suas semelhanças fonéticas e também de aplicação.

Já a terceira hipótese, e uma das mais difundidas, é que que surgiu quando o então presidente, Juscelino Kubitschek, que era mineiro, encomendou uma solução para o caso. Das pesquisas realizadas surgiu uma teoria muito interessante.

O “uai” teria surgido nos tempos dos inconfidentes mineiros, seria uma sigla formada pelas iniciais das palavras União, Amor e Independência. Estas três palavras eram utilizadas como uma senha para a reunião dos inconfidentes e teria se popularizado posteriormente.

Deixe seu comentário!