Mulher corta a própria mão para receber pagamento do seguro

Uma mulher foi acusada de tentativa de fraude após cortar a própria mão apenas para reclamar o seu seguro.

A eslovena de 22 anos compareceu ao tribunal distrital de Ljubljana na sexta-feira após conspirar com o namorado para cortar a mão logo acima do pulso com uma serra circular.


Segundo relatos, ela havia contratado várias apólices de seguro no ano anterior e teria esperado um pagamento combinado superior a 1 milhão de euros após o “acidente”.

Depois que sua mão foi decepada, ela foi levada a um hospital local, onde alegou ter se machucado ao serrar galhos.

O membro foi deliberadamente deixado no local na tentativa de garantir que os cirurgiões não pudessem salvá-lo, no entanto, os policiais que chegaram lá para investigar o que havia acontecido conseguiram recuperá-lo com sucesso e ele foi finalmente recolocado, prejudicando assim todo o exercício .

Uma investigação também revelou que seu namorado havia procurado próteses de mãos na Internet pouco antes do “acidente” ocorrer – mais uma prova de que tudo havia sido planejado.

“Ninguém quer ser aleijado”, disse a mulher ao tribunal. “Minha juventude foi destruída. Perdi minha mão aos 20 anos. Só eu sei como isso aconteceu.”

No final, ela foi condenada a dois anos de prisão por tentativa de fraude de seguro, enquanto seu namorado foi preso por três anos e seu pai recebeu uma pena suspensa de um ano.

Deixe seu comentário!