Enterro de seis cabeças deixa arqueólogos perplexos

Dois esqueletos de guerreiros desenterrados na Escócia foram enterrados juntos em um caixão ao lado de outros quatro crânios.

Pensado para remontar ao século XV, os restos foram descobertos sob a antiga igreja paroquial de Tarbat, em Portmahomack, Easter Ross.


Os esqueletos, que eram os de dois homens na casa dos 40 anos, pareciam ter sofrido ferimentos traumáticos, com um exibindo uma ferida de espada ‘horrível’ que havia removido a metade inferior do rosto e o outro ferido fatalmente por uma combinação de golpes de espada e força contundente.

Pensa-se que os dois homens foram mortos durante uma longa e sangrenta rivalidade entre o Clã Ross e o Clã Mackay, que culminou na Batalha de Tarbat na década de 1480.

A inclusão de quatro outros crânios no túmulo, no entanto, deixou pesquisadores coçando a cabeça.

A Dra. Cecily Spall, diretora da Fieldwork Archaeological Services de York, descreveu a descoberta como “diferente de tudo o que foi encontrado na Escócia ou em qualquer outro lugar da Grã-Bretanha”.

“Os enterros serão datados de radiocarbono para ver quando eles morreram e isótopos de carbono serão usados ​​para ver onde eles nasceram”, disse ela. 

“Nós também vamos analisá-los para ver se existe algum DNA antigo para ver se eles estavam relacionados e tivemos uma das faces reconstruídas”.

“Nesse momento, os enterros eram incrivelmente ortodoxos, então isso se desvia enormemente do que você esperaria encontrar.”

Deixe seu comentário!