10.000 buracos negros encontrados no centro da Via Láctea

Os cientistas descobriram um incrível número de buracos negros em massa escondidos em nossa própria galáxia.

A existência desses buracos negros, que circundam o buraco negro supermassivo no centro de nossa galáxia, há muito era suspeito, mas ninguém havia sido capaz de provar isso até agora.

O problema é que, por sua própria natureza, os buracos negros isolados são extremamente difíceis de ver.

Para encontrá-los, os físicos concentraram seus esforços na busca das emissões de raios X de um subgrupo particular de buracos negros de baixa massa que têm uma estrela capturada em órbita ao redor deles.

Analisando esses dados, foi possível inferir quantos buracos negros isolados existem na região.

“Essa descoberta confirma uma teoria importante e as implicações são muitas”, disse o astrofísico Dr Chuck Hailey, da Universidade de Columbia.

“Isso vai avançar significativamente na pesquisa de ondas gravitacionais porque o conhecimento do número de buracos negros no centro de uma galáxia típica pode ajudar a prever melhor quantos eventos de ondas gravitacionais podem estar associados a eles”.

“Toda a informação que os astrofísicos precisam está no centro da galáxia.”

Deixe seu comentário!