Universo está se expandindo mais rápido do que o previsto

Novos dados do Telescópio Espacial Hubble mostraram que o universo está se expandindo mais rápido do que o esperado.

Conhecida como a Constante de Hubble, a taxa na qual o universo está se expandindo foi previamente determinada pelo estudo da radiação de fundo cósmica remanescente do Big Bang.

Usando dados da espaçonave Planck, da Agência Espacial Européia, os físicos calcularam que a taxa real de expansão era de aproximadamente 67 quilômetros por segundo por megaparsec.

Agora, no entanto, uma equipe de pesquisadores usando dados do Telescópio Espacial Hubble apresentou uma figura completamente diferente – 73 quilômetros por segundo por megaparsec.

“A comunidade está realmente lutando para entender o significado dessa discrepância”, disse o pesquisador-chefe, Nobel Laureate e co-descobridor da energia escura Adam Riess.

É possível que a matéria escura interaja com a matéria normal mais fortemente do que o esperado ou que a constante cosmológica de Einstein possa não ser tão constante, afinal.

“Embora seja possível que a energia escura desempenhe um papel, para mim parece cada vez mais que poderia ser uma nova partícula ou algo sobre a forma como a matéria escura interage”, disse Riess.

“Nós normalmente assumimos que a matéria escura é algo que chamamos de WIMP, uma partícula massiva de interação fraca. Bem, talvez ela não seja tão fracamente interativa.”

“Isso mudaria as coisas, isso causaria algo parecido com o que vemos.”

Deixe seu comentário!