Tubarão pré-histórico encontrado na costa de Portugal

Considerado como um “fóssil vivo”, o tubarão-cobra permaneceu inalterado por mais de 80 milhões de anos.

O tubarão extremamente raro, que teria nadado nos mares pré-históricos, ao mesmo tempo que Tiranossauros Rex e Triceratopes percorreram a terra, raramente é observado pelos cientistas.

Geralmente encontrado até 4.200 pés abaixo da superfície, o tubarão-cobra pode crescer até 2 metros e possui um conjunto único de brânquias que, ao contrário daqueles de outros peixes, se estendem por toda a garganta.

Ele também possui um conjunto de dentes particularmente incomum projetado para ajudá-lo a se encaixar na sua presa.

Este último exemplar, que foi pego na costa do Algarve, foi descoberto por pesquisadores da União Européia que trabalhavam em um projeto para “minimizar capturas indesejadas na pesca comercial”.

No total, apenas um número muito pequeno de tubarão-cobra já foi observado vivo.

Deixe seu comentário!