Trabalho na estação espacial lunar pode começar em 2019

A NASA revelou que seu ambicioso Lunar Orbital Platform-Gateway será lançado em 2022.

Concebida como uma ponte entre a Lua e o espaço profundo, a nova estação espacial terá uma tripulação de até quatro astronautas por vez e, no futuro, atuará como um trampolim para Marte.

Também tornará mais fácil para os astronautas visitarem a superfície da Lua.

“Queremos entender a mecânica orbital ao redor da Lua um pouco melhor, longe da profundidade da gravidade da Terra”, disse o administrador da NASA William Gerstenmaier.

“Fazer as coisas nesta região, onde a gravidade não é um grande condutor … é uma maneira diferente de operar.”

A nova cápsula tripulada da Lockheed Martin, Orion, será usada para transportar os astronautas para a estação.

“O desenvolvimento do gateway tem um grande impulso, e estamos fornecendo nossa expertise, já que a NASA busca a indústria para trazer know-how para este importante esforço”, afirmou a empresa aeroespacial.

Em termos de orçamento, a nova estação também é bem financiada e oferece muito em termos de flexibilidade.

“Tem realismo fiscal e também é adaptável”, disse Gernstenmaier. “Pode adaptar-se a parceiros comerciais. Não é um programa rígido de uma missão após outra.”

“Desde que vejamos a Lua como um trampolim e não um objetivo final, acho que estamos bem.”

Deixe seu comentário!