Startup dos EUA revela novo protótipo de carro voador

Chamado de BlackFly, o novo veículo aéreo não exige uma licença de piloto e custará o mesmo que um SUV típico.

Desenvolvido pela Opener, empresa sediada em Palo Alto, o veículo foi projetado para ser acessível e fácil de usar, para que possa ser pilotado por praticamente qualquer pessoa, não apenas por pilotos experientes.

Descrito como mais um drone de transporte humano do que um carro voador devido à sua incapacidade de dirigir no solo, o BlackFly é, não obstante, uma entrada impressionante na crescente linha de veículos aéreos tripulados futuristas atualmente em desenvolvimento por empresas em todo o mundo.

“Você tem total domínio do espaço tridimensional”, disse Marcus Leng, presidente-executivo da Opener.

“Quando você pressiona o polegar para subir, você tem controle total absoluto. Quando você pára no meio do ar e sai do joystick e a aeronave congela”.

“E quando digo congelar. Ela realmente congela no ar”.

Além de acomodar um piloto humano, o veículo pode até voar de forma autônoma também.

“Assistir a BlackFly em vôo me surpreendeu”, disse Darren Pleasance, diretor da US Experimental Aircraft Association. “Eu nunca vi nada assim.”

Deixe seu comentário!