Quem foi a investigadora paranormal Lorraine Warren?

A renomada investigadora paranormal Lorraine Warren morreu aos 92 anos.

Por mais de 60 anos, Lorraine Warren e seu marido, Ed, investigaram a atividade paranormal em todo o mundo. O caso mais famoso dos Monstros Caçadores de Fantasmas foi feito no filme “O Horror de Amityville”.

Ed Warren morreu em 2006.

“É com profunda tristeza que devo anunciar que Lorraine Warren faleceu”, afirmou a sociedade na sexta-feira, assim como o genro de Warren, Tony Spera. “Ela morreu em paz durante o sono em casa ontem à noite.”

O Warrens também investigou uma boneca Raggedy Ann supostamente possuída que inspirou o filme de 2014 “Annabelle” e a subsequente franquia de filmes.

Como parte de sua carreira de décadas, Lorraine Warren também ajudou a treinar um membro da equipe que investigou fantasmas e outros fenômenos estranhos no The Twisted Vine em Derby, de acordo com reportagens do passado.

Os Warrens também treinaram um homem de Stratford que investigou a alegação de uma família Monroe de que seu filho estava possuído por um demônio em 1998, de acordo com uma história do Hartford Courant.

O Rev. Robert McKenna de Monroe mais tarde realizou o que ele descreveu como um exorcismo no menino, de acordo com o Courant.

O monsenhor Thomas Ginty, chanceler da Arquidiocese de Hartford, disse na época que o exorcismo não era sancionado pela igreja e, portanto, não poderia ser descrito como um exorcismo, embora tais ritos fossem aprovados às vezes como “um último recurso”.

Em 1981, Lorraine e Ed Warren argumentaram que o homem de Brookfield, Arne Johnson, havia sido possuído por um demônio quando esfaqueou Alan Bono, de 40 anos, segundo o Courant. Johnson foi posteriormente condenado por homicídio culposo.

Deixe seu comentário!