Pintura de Jesus jovem descoberto em igreja

Arqueólogos reconstruíram parcialmente uma representação de 1.500 anos de idade de Jesus quando ele era jovem.

A imagem do século VI, tão intemperizada que mal é visível, foi descoberta na parede de uma antiga igreja bizantina na vila de Shivta, Israel. 

É considerado um achado importante porque as representações do jovem Jesus de pêlo curto, embora comuns no Egito e na Síria Palestina, eram muito raramente encontradas em obras de arte bizantinas posteriores. 

A reconstrução da imagem foi montada por pesquisadores da Universidade de Haifa, em Israel. 

“A figura tem cabelo curto e crespo, rosto alongado, olhos grandes e nariz alongado”, escreveram os autores do estudo. “O pescoço e a porção superior também são observáveis.”

“À esquerda da figura, outra face muito maior, cercada por um halo, é visível. Os traços de tinta em toda a abside sugerem que esses rostos eram parte de uma cena mais ampla, que poderia conter figuras adicionais.” 

Com tempo suficiente, deve ser possível reconstruir mais da imagem original. 

“É a única cena de batismo de Cristo que data com confiança na Terra Santa pré-iconoclástica”, escreveram os autores do estudo. 

“Portanto, pode iluminar a comunidade cristã bizantina de Shivta e a arte cristã primitiva em toda a região.”

Deixe seu comentário!