Misteriosa vítima de assassinato aparece em ‘Tubarão’

Uma mulher não identificada que foi assassinada em 1974 foi flagrada em uma cena no filme de sucesso Spielberg.

O corpo da vítima, que teria cerca de 30 anos, foi descoberto por uma adolescente que passeava seu cachorro em dunas de areia perto de Provincetown, Massachusetts, em julho de 1974.

Apesar de uma investigação que durou 40 anos, o mistério de quem ela era e quem foi que terminou sua vida continua a ser um dos mais duradouros casos de assassinato não resolvidos na história dos EUA.

Em uma reviravolta bizarra, no entanto, o escritor Joe Hill – filho do lendário romancista de terror Stephen King – acredita que ele pode ter encontrado uma nova pista que poderia ajudar as autoridades a resolver o caso de uma vez por todas.

Hill sustenta que a mulher misteriosa, que veio a ser conhecida como “A Senhora das Dunas”, aparece em uma cena no filme monstro de 1974, Tubarão (“Jaws”).

Ela é a mulher com o lenço de cabeça azul que aparece em uma cena aos 54 minutos do filme.

Hill só a notou depois de assistir a uma exibição de 40 anos do filme no cinema.

Curiosamente, a cena foi filmada em Cape Cod durante o mesmo verão em que a mulher foi morta.

“A ideia de que esse assassinato pode ser resolvido de alguma forma na tela grande … bem, é uma possibilidade intrigante e atraente”, disse ao USA Today o cineasta Mark Ramsey.

“Como seria legal se um filme e um podcast sobre o filme pudessem levar à reabertura de um caso frio e a uma possibilidade de resolver esse caso antigo?”

Deixe seu comentário!