Força Aérea não conseguiu explicar drones misteriosos no Colorado (EUA)

E-mails recém-divulgados mostram que funcionários da FE Warren AFB não sabiam quem estava por trás dos drones do Colorado.

No final de dezembro de 2019, surgiram relatos de uma frota de drones não identificados operando nos condados de Phillips e Yuma, no Colorado, entre 19h e 22h.


Os veículos não tripulados acabaram gerando preocupação e intriga em igual medida, com residentes e autoridades sendo igualmente incapazes de explicar quem os estava operando ou por quê.

Em poucos dias, os avistamentos se espalharam para outros condados e até mesmo para a vizinha Nebraska.

Agora, uma série de e-mails obtidos por meio de um pedido da Lei de Liberdade de Informação ofereceu uma visão única sobre o que estava acontecendo nos bastidores na Base Aérea FE Warren na época.

As comunicações enviadas e recebidas entre os oficiais revelam que, mesmo no nível mais alto, uma explicação para a misteriosa atividade dos drones permaneceu surpreendentemente elusiva.

Em um e-mail datado de 2 de janeiro de 2020, um remetente desconhecido escreveu:

Ei, coronel: o nordeste do Colorado está agitado com os avistamentos de drones. Todos eles parecem agrupados em uma área que possui alguns sites do Minuteman. Você sabe se as forças de segurança estão brincando com UASs [sistemas de aeronaves não tripuladas] lá em cima? 

Outra fonte do 90º Grupo de Forças de Segurança diz:

Os delegados do xerife estão respondendo e vendo os drones também. Eles relataram ter visto uma ‘nave-mãe’ 6 ‘de diâmetro flanqueada por 10 drones menores (alguns de asa fixa, outros não). Quando os policiais seguem os drones, eles os medem a velocidades de 60-70 mph. Os drones também parecem estar derrubando ou recolhendo coisas que parecem ‘batatas’ [Redigido] “

” O FBI no Colorado e a Força Tarefa Conjunta de Terrorismo (JTTF) em Omaha estão investigando os avistamentos. O escritório do xerife do condado de Perkins [sic] tem três das batatas congeladas no armazenamento e provavelmente as transferirá para o FBI para análise. A FAA está enviando um agente ao Colorado no próximo fim de semana para ajudar a investigar e lidar com a cobertura de notícias. 

FE Warren acabaria por divulgar uma declaração oficial sobre o fenômeno:

” Podemos confirmar que os drones avistados no Colorado e Nebraska não são da Base Aérea FE Warren e não são afiliados de forma alguma à Força Aérea dos Estados Unidos. Fornecemos isto informações para a FAA, o FBI e as autoridades estaduais e locais, enquanto investigam o assunto. ”

No entanto, do jeito que as coisas estão, o caso parece estar longe de ser resolvido.

Você pode ler os e-mails, bem como uma análise mais detalhada, no The Drive – aqui .

Deixe seu comentário!