Espada pode ter pertencido aos Cavaleiros Templários

Uma espada descoberta há 30 anos em uma caverna se mostrou muito mais significativa do que se pensava anteriormente.

A lâmina enferrujada foi encontrada originalmente por Mark Lawton nas cavernas de Caynton, em Shropshire, na década de 1980.

Foi só quando ele decidiu enviar a espada a um leiloeiro local para avaliar se ele soube que provavelmente pertencia aos Cavaleiros Templários – uma ordem monástica medieval secreta e influente.

Foi certificado pela especialista em militaria Caroline Dennard, da Halls Fine Art, Shrewsbury.

“Este é certamente um objeto raro e que possui todas as características de uma espada genuína do século XIII”, disse ela. “Nas áreas povoadas, os cavaleiros eram as únicas pessoas autorizadas pelo rei a portar armas, por isso é provável que isso pertencesse e fosse carregado por um cavaleiro – e talvez, dada a descoberta nas cavernas de Caynton em Shifnal, até mesmo um templário.”

Alguns historiadores acreditam que as cavernas foram escavadas pelos Cavaleiros Templários para atuarem como um porto seguro em um momento em que o rei Filipe IV da França queria desmantelar sua ordem.

Pensa-se que a espada possa chegar a US $ 1.900 em leilão.

Deixe seu comentário!