Empresa quer reviver pacientes com morte cerebral

A empresa com sede em Filadélfia espera trazer os pacientes com morte cerebral de volta à vida usando células-tronco.

Em muitos países, um paciente que é declarado com morte cerebral, ele é considerado falecido porque uma vez que as células do cérebro morreram, não há chance de que elas cicatrizem ou se regenerem.

No entanto, os pesquisadores da Bioquark acreditam que pode haver uma maneira de reverter a morte cerebral por meio de uma série de técnicas pioneiras que incluem terapia a laser, estimulação nervosa elétrica e injetando células-tronco e misturas de proteínas especiais diretamente no cérebro.

A equipe já havia planejado realizar um teste clínico em 20 pacientes com mortes cerebrais na Índia, mas acabou sendo encerrado pelos reguladores, deixando o futuro de suas pesquisas em dúvida.

De acordo com o executivo-chefe Ira Pastor, no entanto, a empresa está agora em “estágios finais” de garantir um novo local para os estes que deve acontecer em algum lugar da América Latina.

Se a equipe for bem sucedida, seria uma das descobertas médicas mais importantes de todos os tempos.

As chances de eles realmente terem sucesso, no entanto, parecem pequenas, na melhor das hipóteses.

morte-cerebral.jpg

Deixe uma resposta