Descoberto gato predador gigantesco pré-histórico

Os paleontólogos inesperadamente encontraram evidências fósseis da criatura na gaveta de um museu no Quênia.

Maior do que qualquer um dos atuais leões ou tigres, esse gigantesco predador tinha um crânio do tamanho de um rinoceronte e pertencia a um extinto grupo de mamíferos conhecido como os hyenenodontes.

Chamada Simbakubwa kutokaafrika, a espécie, que viveu há 45 milhões de anos, pesava quase 3.000 lbs – uma figura insana quando se considera que os leões adultos modernos pesam cerca de 400 lbs.

Os fósseis foram encontrados por acaso por Nancy Stevens e Matthew Borths, da Universidade de Ohio.

“A característica mais marcante de Simbakubwa é o tamanho do espécime”, escreveram eles. “Com base em sua dentição massiva, o animal era significativamente maior do que qualquer carnívoro terrestre africano moderno”.

Acredita-se que os hyeenodonts tenham desaparecido em torno de 15 a 18 milhões de anos atrás.

“Não sabemos exatamente o que levou os hyaenodonts à extinção, mas os ecossistemas estavam mudando rapidamente à medida que o clima global se tornava mais seco”, disse Borths.

“Os gigantescos parentes de Simbakubwa estavam entre os últimos hyaenodonts do planeta.”

Deixe seu comentário!