Como reforçar sua imunidade contra o Coronavírus?

O vírus conhecido como SARS-CoV-2, que causa a doença chamada Covid-19, está atualmente se espalhando por todo o mundo e, apesar dos nossos melhores esforços, ele continuará a infectar mais pessoas.

Naturalmente, as pessoas clamam por respostas para perguntas não respondidas no momento. Eu vou conseguir sobreviver? Quantas pessoas serão infectadas e qual porcentagem delas morrerá? Quem morrerá?


Ninguém pode lhe dizer com certeza.

Existem muitas variáveis ​​para permitir previsões perfeitas: variação sazonal potencial, quão bem uma população segue as recomendações de saúde pública e a possível descoberta de medicamentos terapêuticos, para citar alguns.

À medida que novos números de infecções parecem cair na China e na Coréia do Sul, lembre-se de que os países têm normas sociais e culturais diferentes que podem desempenhar um papel, incluindo diferenças na conformidade com o governo e grau de intimidade social.

Além disso, existem diferenças políticas: as medidas autoritárias usadas para isolar socialmente dezenas de milhões de cidadãos chineses não são opções realistas em democracias ocidentais.

Dos que contraem o vírus, muitos precisarão de internação por pneumonia e / ou complicações de suas doenças preexistentes. Entre os hospitalizados, estudos mostram que números significativos de pessoas desenvolverão um processo complicado da doença, chamado síndrome do desconforto respiratório agudo (SDRA).

Muitos desses pacientes exigirão cuidados na UTI e um ventilador mecânico.

Até agora, o coronavírus não parece estar afetando crianças saudáveis. Um estudo recente publicado na revista médica The Lancet, embora pequeno, também oferece alguma esperança de que as mulheres grávidas não estejam transmitindo o vírus aos seus bebês.

Há outras coisas que você pode fazer para se fortalecer. Em primeiro lugar, as medidas de saúde pública que nos são recomendadas – incluindo lavar as mãos, distanciar socialmente e evitar grandes reuniões – são realmente os melhores meios de se proteger da exposição.

A prevenção continuará sendo o melhor remédio. No entanto, muitos ainda serão infectados, apesar de aderirem a essas práticas.

O que mais você pode fazer para melhorar suas chances de vencer o Covid-19 se você for infectado?

Um passo importante: maximize sua saúde agora, antes de ficar doente. Estudos demonstraram que aqueles em maior risco têm mais de 60 anos e / ou têm problemas de saúde preexistentes como diabetes, obesidade, doença cardíaca, doença pulmonar ou descondicionamento generalizado.

Se você tiver esses (ou outros) problemas médicos, pode optar por ser proativo e começar a resolvê-los com o máximo esforço, a partir de hoje. Sabe aquele remédio para pressão arterial que você nunca toma porque odeia tomar pílulas e faz você se sentir velho? Começe hoje.

Se você raramente, ou nunca, verifica seus açúcares no sangue ou permite que seu diabetes fique fora de controle porque os dedos e as injeções de insulina são irritantes – controle seus açúcares a partir de hoje. Tem asma ou doença pulmonar? Comece consistentemente usando os inaladores prescritos.

E pare de fumar cigarro eletrônico imediatamente.

Mesmo as pessoas sem problemas médicos diagnosticados devem maximizar sua saúde. Exercício, perda de peso, dieta saudável e bom sono são certamente benéficos para o seu corpo.

Ao fazer essas coisas simples que seus médicos recomendam a você há anos, você tem o poder de melhorar sua resistência. Quanto? Depende.

Mas, diante desse vírus, mesmo uma quantidade muito pequena de melhora em sua saúde geral pode ser a diferença entre sintomas leves ou mais graves e, para alguns, pode significar a diferença entre vida e morte.

Deixe seu comentário!