Como funcionam os radares de velocidade?

Na verdade, trata-se de um medidor de velocidade e não de um radar, diz um engenheiro de segurança da companhia de engenharia de tráfego de são Paulo.

O medidor é composto por três sensores chamados de laços detetores colocado sobre o asfalto. Eles são sensíveis a qualquer metal e estão ligados a um HD removível e uma câmera digital colocados ali mesmo.

O primeiro laço detetor registra a presença do carro. Segundo e o terceiro calculam a velocidade com que o carro passou por ali.

Automaticamente é feita a comparação com a velocidade regulamentada e, se estiver acima do limite, a câmera clica a imagem do veículo.

Todos os dias, um funcionário da CET colhe essas informações do sistema e a leva para uma central de processamento.

Se esses dados coincidirem com a imagem fotografada, a multa é encaminhada.

Deixe uma resposta