Cogumelo biônico pode gerar eletricidade em seu telefone

Os cientistas converteram um cogumelo comum comprado em loja em um dispositivo que pode produzir eletricidade.

A pesquisa, que visava avançar ainda mais a nossa compreensão de como a biologia e a tecnologia podem trabalhar em conjunto, envolvia a combinação de um cogumelo regular com bactérias produtoras de eletricidade e o uso de fios de grafeno para coletar a corrente. 

Quando uma luz foi acesa, desencadeou a fotossíntese dentro das bactérias, o que gerou uma pequena quantidade de eletricidade. O próprio cogumelo ajudou a bactéria a crescer e permanecer viva. 

“Nesse caso, nosso sistema – esse cogumelo biônico – produz eletricidade”, disse o líder do estudo, professor Manu Mannoor, do Stevens Institute of Technology, em Nova Jersey.

“Através da integração de cianobactérias que podem produzir eletricidade, com materiais em nanoescala capazes de coletar a corrente, fomos capazes de acessar melhor as propriedades únicas de ambos, aumentá-los e criar um sistema biônico funcional totalmente novo.” 

Embora a quantidade de eletricidade produzida seja atualmente muito pequena, os cientistas esperam que as iterações futuras desse conceito abrirão as portas para novos campos de pesquisa. 

“Com este trabalho, podemos imaginar enormes oportunidades para aplicações bio-híbridas da próxima geração”, disse o professor Mannoor. “Por exemplo, algumas bactérias podem brilhar, enquanto outras sentem toxinas ou produzem combustível”.

Deixe seu comentário!