Cientistas resolvem o mistério do espaguete

A razão pela qual o espaguete não se rompe pela metade sem quebrar em várias peças finalmente foi encontrado.

O problema, que ganhou destaque quando o famoso físico ganhador do Prêmio Nobel, Richard Feynman, tentou resolvê-lo na década de 1950, conseguiu intrigar os cientistas por décadas.

O conceito é incrivelmente simples – por que um pedaço de espaguete seco quebra em várias partes quando você tenta quebrá-lo ao meio, em vez de quebrá-lo em dois?

Agora, finalmente, um novo estudo não só resolveu por que isso acontece, mas também encontrou uma maneira de evitá-lo.

A chave está no fato de que quando o macarrão quebra em um lugar, ele desencadeia ondas que percorrem o comprimento do filamento de macarrão e temporariamente aumentam sua curvatura em outros pontos – levando a múltiplas quebras.

Para evitar que isso aconteça, o segredo é torcer o macarrão antes de encaixá-lo, o que impede que as ondas secundárias causem quebras adicionais.

Pode não ser ciência de foguetes, mas pelo menos o antigo mistério foi finalmente resolvido.

Deixe seu comentário!