Bebê nasce quatro anos depois da morte dos pais

O filho de um casal na China, que morreu em um acidente de carro, nasceu de uma mãe de aluguel quatro anos depois.

O cenário incomum surgiu porque o casal, Shen Jie e Liu Xi, vinham tentando a fertilização in vitro em um esforço para ter filhos, e Liu teve um dos embriões fertilizados transplantados apenas quatro dias antes de ambos serem mortos.

Os pais do casal passaram três anos tentando adquirir os direitos dos embriões no que se tornou um dos casos jurídicos mais complexos e sem precedentes da história do país.

Os dois grupos de pais acabaram por ganhar a custódia dos embriões em 2017.

Como a sub-rogação é ilegal na China, eles viajaram para o Laos para encontrar uma mãe substituta. Eventualmente, porém, eles conseguiram encontrar uma e a criança, que foi nomeada Tiantian, nasceu.

“Os olhos de Tiantian parecem com os de minha filha, mas no geral ele se parece mais com o pai”, disse a mãe de Liu.

Decidir como contar ao neto o que aconteceu com seus pais, no entanto, será difícil.

“Este menino está destinado a ficar triste ao chegar ao mundo”, disse Shen Xinan, avô paterno de Tiantian. “Outros bebês têm pais e mães, mas ele não tem.”

“Definitivamente vamos contar a ele no futuro”.

Deixe seu comentário!