Astrônomos observam um dos planetas mais jovens até hoje

Astrônomos já avistaram planetas jovens antes, mas raramente tão jovens.

Uma equipe liderada pela Universidade do Havaí descobriu 2M0437b, um dos planetas mais jovens já encontrado com ‘apenas’ vários milhões de anos.

O planeta bebê foi encontrado no “berçário” da Nuvem Taurus e é jovem o suficiente para emanar calor semelhante a lava desde seu nascimento.

Os pesquisadores ainda precisarão usar ótica especial para compensar a atmosfera da Terra, mas não terão que usar a estrela hospedeira ou outros truques para estudar o planeta.

Ajuda o fato de 2M0437b estar cerca de cem vezes mais distante de sua estrela do que a Terra do Sol, reduzindo as chances de interferência.

Os cientistas avistaram o planeta pela primeira vez em 2018 usando o Telescópio Subaru, mas passaram os três anos seguintes usando o Observatório Keck e outros telescópios do Havaí para rastrear o planeta e confirmar que estava ligado ao seu hospedeiro.

Observações futuras podem lançar mais luz sobre a formação planetária. Também pode não demorar muito para colher mais detalhes.

A equipe esperava que o iminente Telescópio Espacial James Webb pudesse ajudar a detectar gases atmosféricos e luas em formação recente.

Por mais significativo que 2M0437b possa ser agora, pode ser mais importante no futuro.

Deixe seu comentário!