Ascite – Sintomas e Tratamentos

O que é Ascite?

Ascite é uma doença caracterizada pelo acumulo anormal de líquido localizado na região do abdome, ao redor do intestino e de outros órgãos abdominais.

O que causa a Ascite

O problema pode ser provocado por varias causas e possuir quantidades variadas de bactérias, células, proteínas e outras substâncias.

Geralmente a maioria dos casos de ascite ocorre em pessoas com cirrose provocada pelo consumo de bebidas alcoólicas ou pelos vírus B e C. Outras causas podem ser a insuficiência cardíaca, tumores que comprometem o peritônio (camada de revestimento interna do abdômen), problemas hepáticos e tuberculose peritoneal.

Casos mais raros podem ocorrer devido a obstrução de circulação sanguínea hepática, como trombose das supra-hepáticas, por perda excessiva de proteína através da urina ou devido a desnutrição protéico-calórica, pancreatite aguda ou hipotireoidismo.

Sintomas da Ascite

Pessoas que possuem a doença sofrem com aumento do volume abdominal, e as vezes pelo surgimento de hérnias inguinais e abdominais.

A ascite costuma ter desenvolvimento lento e progressivo, que pode durar de semanas a meses, sem apresentar dores ou demais alterações.

Em casos mais extremos o acumulo de líquidos pode chegar a ate 10 litros, o que torna o abdome saliente, além de duro e desconfortável, o que pode desencadear azia e dificuldade do aparelho respiratório.

Diagnóstico da Ascite

Para realizar o diagnóstico o médico realiza o exame clínico realizando palpação. Quando o paciente possui gordura abdominal ou quando é necessário possuir mais dados para a confirmação do diagnóstico o médico pode recorrer a ecografia abdominal, que informa a presença de líquido e mostra o fígado, baço, vias biliares, pâncreas, rins, úteros, ovários e grandes veias e artérias.

Como Tratar a Ascite

Pode ser realizada a punção abdominal através de coleta do líquido da ascite, o que é um procedimento rápido e bastante simples e que pode facilitar muito o diagnóstico.

A doença se manifesta em pessoas que possuem outras doenças causadoras, portanto a melhor forma de prevenir é cuidando da saúde para não contrair doenças que podem provocar a ascite.

O tratamento é realizado cuidando da doença causadora, ou em casos mais extremos através de diuréticos, restrição da ingestão de sódio ou até com um procedimento invasivo para punção do líquido acumulado devido à doença.

Se perceber o surgimento de um ou mais sintomas o mais indicado é procurar um médico capacitado para que ele possa realizar um diagnóstico e preciso e assim prescrever um tratamento eficaz contra a doença.

Deixe seu comentário!