Anéis de Saturno estão cheios de metano

A NASA revelou a descoberta de metano e outros produtos químicos na atmosfera superior do gigante de gás.

Os dados coletados pela nave espacial Cassini da NASA, durante os últimos meses de seu tempo em torno de Saturno, continuam a produzir surpresas apesar do fato de que a própria sonda ter sido destruída há algum tempo.

Os cientistas esperavam que o espectrômetro de massa de Cassini pegasse a assinatura de moléculas de água entre o planeta e seus anéis, mas, em vez disso, encontrou uma estranha mistura de produtos químicos, incluindo o metano, que de alguma forma acabou na atmosfera superior de Saturno.

“Nós realmente atingimos o grande prêmio”, disse o cientista planetário Mark Perry.

Como os produtos químicos pareciam estar concentrados em torno do equador de Saturno e em altitudes elevadas, os pesquisadores concluíram que eles deveriam ter vindo dos anéis do gigante de gás.

“Temos muito trabalho a fazer para entender como eles estão chegando lá”, disse Perry.

“Nenhum dos modelos previu isso”.

Deixe seu comentário!